Mulher da Terra


MULHER DA TERRA Mulher da Terra, torrente da natureza, brisa morna e vagalhão... À tua paixão, o controle é inaceitável. Ao teu desejo, o desejo é força maior. Joga, ao Hades frio e eterno, tua energia, tua pulsão de vida, o homem que renega o fogo por controle. Pouco menos que homem, um cão adestrado! A voracidade clama, à voracidade: o desejo-lava que escorre dentre as pernas. Dispensa o roteiro de qualquer fluxo. O fluxo-lava é este o próprio roteiro: a entrega irrestrita ao que o sangue pede e carne suplica... Não! A carne... Ordena! Ordena, como ordena a Terra. Deseja, como deseja a Selva. Cobra, como cobra a Deusa. A fonte da juventude pede mais que moedas, pede agricultura: tua semente, jorro da angústia. Tua fria sensibilidade, a Vida não suporta. Bate à porta, repreende, menospreza. É presunção sobrepor-se à Natureza, como se não fôssemos todos súditos dela! Ela cobra, em vitalidade, o envelhecimento precoce de quem a renega. Não há qualquer mapa para adentrar sua caverna, nas cavernas que, abrigos à solitude, oferecem. Quando pleno de ti... Quando, de ti, transborda o que, em ti, não cabe, eu peço que venhas... ... com todos os cheiros do mundo, que os meus feitiços os deixarão porta afora, onde entras com teu conjunto: o único de que precisas. Aqui basta fechar as cortinas, que nossos mundos conflitantes se encontram para uma guerra que é, em si, também amor, em golpes de desejo, que também provocam dor. Feitiços que param o relógio do mundo e, nas fendas da agenda, encontras brechas para estar fora do tempo e ser imortal, estando íntegro e corpóreo. Estas são, de todas as montanhas que profiro, as palavras que eu guardei só para ti. Deise Zandoná Flores Ilustração: Arilton Flores

#poema #poesia #DeiseZandonáFlores #MulherdaTerra #Hades #erotica #natureza #lava #desejo

4 visualizações
ATENA

ATENA

Adquira já o seu livro de poesias!

APOLO

APOLO

Adquira já o seu livro de poesias!

HADES

HADES

Adquira já o seu livro de poesias!

AFRODISIA

AFRODISIA

Adquira já o seu livro de poesias!

Patrocine a poetisa. Doe um cafezinho. Grata!

Siga-me nas redes sociais.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram