4a.ed. Boletim do CCC: 07-02-2017


BOLETIM METEOROLÓGICO DO CCC (CENTRO DE CONTROLE DO CLIMA): 07-02-2017

Depois da chuvarada da semana passada, mosquitos fazem arrastão, chupando todos os tipos de sangue. Algumas pessoas têm apresentado anemia.

Telas para mosquitos apresentaram uma ligeira alta de preços de cerca de 325%.

Boletins policias informam uma nova onda de crimes: devido ao calor excessivo, gangues de mosquitos tem assaltado bancos de sangue de hospitais para bebê-lo geladinho.

Não constam do aparato policial, telas e inseticidas como armas. A polícia alega que mosquitos não são de sua competência, mas da Vigilância Sanitária. Em nota, a Vigilância Sanitária diz que crimes não são de sua responsabilidade. A situação permanece sem previsão de resolução.

O tempo permaneceu seco, apesar das ameaças de chuva. Raios e trovões fizeram parte do cardápio, mas água que é bom mesmo só a saloba do suor provocado pelo mormaço.

No momento, o tempo está INSTÁVEL. Não há previsão concluída para os próximos dias. Motivo: parte do nosso efetivo do setor de Execução "tocou bombril no gato", isto é, meteu atestado. Fora esse pequeno detalhe, o RH fez uma pequena confusão: marcou as férias do restante do pessoal para o mesmo período. Portanto, não temos efetivo na Execução.

Só o setor de Planejamento continua trabalhando e, embora não tenha ninguém para executar as ordens, eles passaram um avanço de 90% de produtividade para a chefia. Em nota explicaram:

"Estamos trabalhando com todo o nosso efetivo empenhado em um novo APPROACH para agregar valor não apenas ao tempo, mas aos boletins e ao elemento humano. Nossas políticas são ecossustentáveis: temos uma legítima preocupação com o elemento fáunico, vegetálico e minerálico. Avançamos 90% no tempo, o que nos permitiu fazer chover, em poucos dias, mais do que nos últimos 30 anos. O nosso compromisso é com a qualidade, a sustentabilidade e a pessoa humana. Nossa política inclusiva não admite qualquer discriminação e abrange igualmente as pessoas mineral, vegetal e animal."

O mato cresceu devido às chuvas e ao calor. Muitas pessoas enfrentaram congestionamento em sentido litoral para passar o final de semana inteiro cortando grama. Com as praias repletas de águas-vivas, os banhistas não se banharam, preferindo beber e cortar grama sob o sol escaldante das 9h às 16 horas. Ninguém sabe ao certo porque demoraram tanto, visto que os pátios tem, no máximo, 10m x 20m, e metade é lajotado. Provavelmente, deve-se à manguaça.

Muitos deram entrada em hospitais por conta de brigas pela operação e acidentes com os cortadores de grama. O governo estuda estender a legislação rodoviária, e passará a exigir curso em simulador virtual de cortador de grama, habilitação e emplacamento.

Longe da água do mar, e com o excesso de calor, esgotaram-se os estoques de açaí. As açaiterias precisaram oferecer tapioca de frango congelado com leite condensado para ajudar a refrescar o povo.

Sem efetivo na Execução e com o Setor de Planejamento querendo mostrar serviço, parte do pessoal do Planejamento será realocado para a Execução. Ninguém sabe operar o termostato, por isso as temperaturas continuarão muito altas.

Ninguém nem ao menos sabe onde fica a Sala de Máquinas, visto que os setores de Planejamento e o de Execução não conversam há mais de 20 anos, desde uma briga entre os chefes dos dois setores. (Parece que alguém não tocou o berrante lá na porteira, e rolou um chifre em consequência.)

A represa está seca. Há rumores de que, em breve, farão a TRANSPOSIÇÃO DE ICEBERGS para desaguar em solo brasileiro. Ainda não sabemos quando e como serão transportados. Há uma licitação em andamento com a possibilidade de uma PPP (Parceria Público-Privada) para o seu transporte. O fato gerador do imposto sobre o transporte (se sólido ou líquido) ainda está sendo calculado.

Os estoques de raios e trovões estão em dia, mas não há como prever quando serão lançados, porque tudo vai depender do povo do Planejamento encontrar a Sala de Máquinas e descobrir como "botar pra rodar os paranauê".

Também não posso informar se a realocação do efetivo se dará ainda esta semana devido à papelada que ainda precisa ser agilizada.

Caso a situação não seja resolvida, manteremos o status como PENDENTE.

Por enquanto, boa sorte, boa semana e muita atenção com essa nova onda de crimes.

OBS: Aceitamos doações em espécie para o carnaval com POSSÍVEL direito à abatimento do Imposto de Renda.

Deise Zandoná Flores

Porta voz do CCC (CENTRO DE CONTROLE DO CLIMA)

Meteorologista Aprendiz Trainée Júnior

"CCC: sempre na Cumulus Nimbus mais próxima de você!"

____

edição: 4

#CCC #meteorologia #burocracia #centrodecontroledoclima #sátira #humor #humorístico #tempo #feitiçodotempo #clima #política

6 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

28a.ed. Boletim do CCC

Eis a 28a. ed. do Boletim do CCC BOLETIM METEOROLÓGICO DO CCC (CENTRO DE CONTROLE DO CLIMA): 26-07-2017, TERCEIRA FASE DA SEGUNDA-FEIRA. O tempo ensolarado fechou... as narinas! A moda agora é a rinit

ATENA

ATENA

Adquira já o seu livro de poesias!

APOLO

APOLO

Adquira já o seu livro de poesias!

HADES

HADES

Adquira já o seu livro de poesias!

AFRODISIA

AFRODISIA

Adquira já o seu livro de poesias!

Patrocine a poetisa. Doe um cafezinho. Grata!

Siga-me nas redes sociais.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram