Ceticismo Sensível


A certeza e a fraqueza são as a bases da cegueira, da ignorância, do fanatismo, da estupidez e da grosseria. Qual seria a contraparte da certeza? A dúvida!

Isso significa que não podemos conhecer nada? Negativo. Quem diz da impossibilidade do conhecimento é o niilista. Quem diz que não é possível conhecer e que por isso não vale a pena tentar é o preguiçoso.

Eu advogo pela contraparte da certeza. Eu advogo por uma postura CÉTICA e SENSÍVEL (ESTÉTICA) diante da vida e do conhecimento. O ceticismo não fala acerca de dúvidas. A dúvida não basta por si mesma. Para o cético, a dúvida é o ponto de partida da investigação.

Para muitos céticos, o ceticismo é uma abordagem racional diante da vida e do conhecimento. Isso é, em parte, verdade mas esta afirmação está incompleta.

A postura cética, além da racionalidade do processo de investigação, é uma postura emocional diante da vida e do conhecimento. Suas virtudes correspondentes são a prudência, a cautela e a moderação.

Uma pessoa cética evita se posicionar precipitadamente. Ela não sai tecendo julgamentos últimos sobre uma dada situação que se apresente. Contudo, ela não deixa de se posicionar. Seu posicionamento deriva da dúvida, da investigação, da análise, da reflexão e da sensibilidade. Depois desse processo, emite juízos.

Esses juízos não se pretendem definitivos. O cético revê seus posicionamentos diante de novas evidências. Ele admite o contraditório. Ele não é senhor da razão.

Essa é a essência da postura científica. Mas a ciência não seria (somente) racional? Minha tese é que não. A ciência surge do pensamento, das emoções e da imaginação. Sua ignição, seu ponto de partida, muitas vezes, é uma intuição, uma sensação. Quem pode separá-los?

A meu ver, o ceticismo, além de postura científica diante da vida, é uma postura sensível. O cético não trata de usar a sua razão para "dominar" as suas paixões. "Domínio" aqui é um termo equivocado. Ponderar, equilibrar se aproxima mais do correto, sabendo que sempre há algo que nos escapa...

A razão não domina nada. A prova disso são todos os nossos estresses, fobias e ansiedades. Saber-se ansioso não diminui a ansiedade. Agir sobre a ansiedade sim.

A postura cética corresponde a um equilíbrio mais ou menos eficaz entre nossos pensamentos, nossas emoções e nossas ações. A postura cética é um princípio norteador da vida e um agir sobre a vida.

Eu acredito que a razão não domina as emoções porque é ela mesma que, muitas vezes, provoca doenças emocionais, em uma cultura que guilhotina o indivíduo, condenando as emoção como a fonte de todos os males e proclamando a razão como a fonte de todas as virtudes: a grande falácia.

O ceticismo, a meu ver, é uma forma de gestão racional e emocional de si mesmo, uma postura investigativa diante da vida e do conhecimento, uma postura social , cultural e política, uma postura filosófica e psicológica diante de si e do mundo.

Eu acho que essa reflexão tem tudo a ver com as rixas políticas dentro e fora da internet. As pessoas estão mais preocupadas em atacar o "adversário" do que ouvi-lo e refletir sobre seus argumentos. Vemos uma guerra de ignorantes convictos cujas vociferações representam a agonia e morte do pensamento, da reflexão, da ética e da sensibilidade.

_____

Escrito em 15-05-2016

#ceticismo #cético #sensibilidade #sensível #racionalidade #razão #prudência #dúvida #investigação #gestãodesi #rixas #políticas

3 visualizações
ATENA

ATENA

Adquira já o seu livro de poesias!

APOLO

APOLO

Adquira já o seu livro de poesias!

HADES

HADES

Adquira já o seu livro de poesias!

AFRODISIA

AFRODISIA

Adquira já o seu livro de poesias!

Patrocine a poetisa. Doe um cafezinho. Grata!

Siga-me nas redes sociais.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram