Vaca de Caneca


A vaca da caneca me sorri, e como é linda! Parece uma cadela assanhada. Pura formosura! Como tantas outras vacas, é meiga, é Mimosa. A vaca da caneca é discreta: não requer pasto, nem posto. Vive em um armário, protegida por porta de vidro translúcida, esperando para ser usada, uma escrava! a meu dispor. Pode-se jogar água fervendo dentro dela que não sente dor. A vaca da caneca não tem grande personalidade, e como toda a vaca de caneca, meto-lhe café, meto-lhe chá, meto-lhe o que eu quiser. Ela prefere bolo de caneca, mas o que ela prefere, a mim não interessa. Minha vaca de caneca não sente, é feliz: sem exigências, sem ciência do que lhe acontece, trancada, muda, ela não fenece. A vaca de caneca é cuidada e amada como tantas mulheres ainda hoje.

*******

#vaca #caneca #mulher #feminino

3 visualizações
ATENA

ATENA

Adquira já o seu livro de poesias!

APOLO

APOLO

Adquira já o seu livro de poesias!

HADES

HADES

Adquira já o seu livro de poesias!

AFRODISIA

AFRODISIA

Adquira já o seu livro de poesias!

Patrocine a poetisa. Doe um cafezinho. Grata!

Siga-me nas redes sociais.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram